CAN 2023: Costa do Marfim privada de 4 jogadores contra a RDC para as meias-finais


Os Elefantes da Costa do Marfim vão estar privados de quatro jogadores no jogo das meais finais da  Copa das Nações Africanas (CAN) de 2023, contra a República Democrática do Congo (RDC), nesta quarta-feira, no Estádio Alassane Ouattara, em Ebimpé.


Depois do milagre de Yamoussoukro frente ao Senegal nos oitavos-de-final, Bouaké também teve direito ao seu momento irracional com a qualificação, desta vez no jogo, dos Elefantes que, apesar da inferioridade numérica desde os 43 minutos e da expulsão de Odilon Kossounou , conseguiu virar a maré e eliminar o Mali (2-1).

Para além do defesa-central do Bayer Leverkusen a Costa do Marfim estará ainda privada de mais três jogadores.

O autor do golo da qualificação, Oumar Diakité, que tinha sido avisado durante o jogo, também recebeu cartão vermelho devido a um segundo amarelo por ter tirado a camisola ao comemorar o golo da qualificação.

Serge Aurier e Christian Kouamé devido ao acúmulo de amarelos também não estarão à disposição da equipa marfinense.

Mas a Costa do Marfim tem tantos recursos disponíveis que Emerse Faé não tem com que se preocupar.

Willy Boly deverá substituir Kossounou no centro da defesa, Wilfried Singo pode entrar para Serge Aurier no flanco direito, enquanto Sébastien Haller poderá (finalmente) comemorar a sua primeira passagem na linha da frente do ataque dos Elefantes, no lugar de Christian Kouamé.

ADP/CrioloSports


Print   Email

         

Mais de 10 anos com os desportistas cabo-verdianos

 

 

 

SUBSCREVER AS NOSSAS NEWSLETTERS

Ao subscrever, tomo conhecimento que as newsletter poderão conter publicidade.
 

SUBSCREVER AS NOSSAS NEWSLETTERS

Ao subscrever, tomo conhecimento que as newsletter poderão conter publicidade.