Futebol Sal: Jovens desportistas de Santa Maria presenteados com dois campos de “futebol de sete” relvados



A Câmara Municipal do Sal presenteou hoje os jovens desportistas de Santa Maria com dois campos de “futebol de sete”, relvados, cuja estreia foi marcada pelo descerramento da placa e competição entre três equipas da cidade turística.



Coincidentemente, o presente chegou no momento das celebrações de mais um Dia do Município assinalado a 15 de Setembro.

O ambiente era de festa, com jovens a saltar com a bola de um lado para o outro, tendo as três equipas de futebol, Norte São Paulo, Rua de Trás e Rua de Algodoeiro, inaugurado a relva, embora usada, mas em bom estado de conservação.

Os jogadores da equipa Norte São Paulo foram os que levaram o troféu de primeiro lugar para casa.

Na sua comunicação de ocasião, o presidente da câmara municipal Júlio Lopes destacou o facto de este campo ser solicitado pelos atletas, e em vez de um, conforme disse, foram contemplados com dois campos de “futebol de sete”.

“Já fizemos estes dois campos, mas temos mais coisas para vir fazer para os jovens de Santa Maria e da ilha do Sal, no geral”, manifestou o autarca, apresentando-se visivelmente satisfeito pela concretização de mais esta infra-estrutura desportiva, “uma alternativa” que permitirá aos jovens ocuparem os seus tempos livres da melhor forma e desviarem-se dos “maus caminhos”.

“Estou muito contente. Este campo é para ser utilizado também pelas jovens raparigas, para transformarmos esse espaço numa zona de diversão”, desejou.

O ministro do Turismo, Carlos Santos, que também esteve presente no acto, felicitou a iniciativa, desafiando os jovens a terem disciplina e a encararem o futebol com mais responsabilidade.

“Porque cada vez mais estamos a ver que temos grandes potencialidades em Cabo Verde. Grandes equipas em Portugal estão cada vez mais interessadas nos jogadores cabo-verdianos. Mas pedem sempre uma coisa: a disciplina. Por isso, os jovens têm que ser disciplinados, já desde o início, para poderem chegar a essas equipas”, instigou o governante.

Carlos Santos concluiu dizendo que esse tipo de pequenas infra-estruturas, têm esse condão de permitir, alinhar, no sentido de se ter uma juventude cada vez “mais bem preparada”, tanto a nível comportamental como a parte física.

Para Amarildo dos Santos, jogador da equipa de Norte São Paulo, este campo representa um “ganho enorme” paras os atletas de Santa Maria.

“Este é um espaço aberto, onde vamos todos divertir na paz e ocupar o tempo livre diferente, da melhor forma. Futebol exige treino, portanto, este campo foi um bom presente que nos foi dado. Espero que tudo corra bem”, manifestou o jovem.

SC/HF

Inforpress


Print   Email

         

Mais de 10 anos com os desportistas cabo-verdianos

 

 

 

SUBSCREVER AS NOSSAS NEWSLETTERS

Ao subscrever, tomo conhecimento que as newsletter poderão conter publicidade.
 

SUBSCREVER AS NOSSAS NEWSLETTERS

Ao subscrever, tomo conhecimento que as newsletter poderão conter publicidade.